Sustentabilidade

Ética e transparência

AES adere aos princípios de empoderamento das mulheres da ONU

Companhia reforça seu compromisso com a equidade de gênero

A+ A-
  • Da esquerda para a direita: Marcelo Pereira, Patricia Vasconcelos, Julian Nebreda, Roberta Tenenbaum, Adriana Carvalho, Ítalo Freitas e Charles Lenzi

A AES Brasil, a AES Tietê e a AES Eletropaulo assinaram ontem, 05 de setembro, sua adesão aos Princípios de Empoderamento das Mulheres (Women´s Empowerment Principles - WEPs, em inglês), promovidos pela ONU Mulheres e pelo Pacto Global das Nações Unidas.

Ao tornar-se signatária dos sete princípios empresariais que buscam empoderar e delegar poder às mulheres no ambiente de trabalho e na sociedade, a companhia reforça o seu comprometimento com a promoção da equidade de gênero e da diversidade.

Durante a apresentação dos Princípios e assinatura do documento, Julian Nebreda, presidente da AES Brasil, falou sobre a importância de a companhia compor a lista das empresas com representatividade junto às causas da ONU Mulheres. 

“Acreditamos que a diversidade é um rico impulsionador para novas ideias, novas soluções e melhores resultados. O orgulho em pertencer a uma equipe global e diversa está presente em nossa cultura e em nossos valores. Apoiamos os Princípios de Empoderamente das Mulheres porque entendemos que isso está alinhado à estratégia e cultura da organização e porque nos ajudará a acelerar e direcionar nossos esforços para incentivar cada vez mais a participação de mulheres na tomada de decisões, contribuindo para o fortalecimento potencial da nossa equipe e da sociedade”, afirmou Julian.

Também estavam presentes no encontro Roberta Tenenbaum, diretora de Inteligência de Mercado da AES Tietê; Marcos Augusto Mesquita Coelho, diretor de Relações Institucionais, Comunicação e Sustentabilidade do grupo AES Brasil; Marcelo Pereira, diretor de RH do grupo AES Brasil; Charles Lenzi, presidente da AES Eletropaulo; Ítalo Freitas, presidente da AES Tietê; e Adriana Carvalho, gerente dos princípios de empoderamento econômico da ONU Mulheres.

Para Roberta, a assinatura desse compromisso é de fundamental importância para que a cultura corporativa avance no tema e assegure políticas consistentes na promoção da diversidade de gênero. “A plena participação das mulheres na AES Brasil contribui para os negócios da companhia, para a sociedade e para valorar sua estratégia de sustentabilidade e de responsabilidade corporativa”.

Adriana pontuou: “A questão é como progredir no tema, e de forma correta. O grande questionamento é a mudança de cultura. Homens e mulheres são forças que, juntas, fazem a diferença".

Notícias relacionadas

Ética e transparência

Comemoração em dobro!

AES Eletropaulo e AES Tietê estão novamente entre as 150 Melhores Empresas para se Trabalhar

Ética e transparência

O reconhecimento da ética e da transparência

AES Tietê é novamente considerada uma das empresas mais transparentes do mercado

Ética e transparência

A sustentabilidade na tomada de decisões

AES realiza estudo de mensuração financeira de aspectos socioambientais

Houve um problema no envio da mensagem.
Por favor, tente novamente.